HOME
BLOG
CULINÁRIA
NOTÍCIAS
SHOP
VÍDEOS
NOTÍCIAS: / Brasil / Celebridades / Economia / Esporte / Mundo / Política / Tecnologia

Ação policial contra referendo deixa mais de 90 feridos na Catalunha

Assuntos Relacionados:
| Catalunha | Espanha | votação | referendo


/ Mundo / Europa

A Polícia espanhola recorreu à força neste domingo (1º), na Catalunha, para impedir a realização do referendo sobre a independência, deixando ao menos 92 feridos.



Um porta-voz dos serviços de Saúde da Catalunha anunciou que 465 pessoas foram atendidas em hospitais e centros médicos. Deste total - acrescentou -, há dois gravemente feridos, um atingido no olho, e outro vítima de um infarto durante a ação policial em Lérida, a 150 quilômetros de Barcelona.

Segundo o Ministério do Interior espanhol, 12 agentes ficaram feridos neste domingo: nove policiais federais e três guardas civis.

De acordo com várias testemunhas, a Polícia usou balas de borracha para impedir a realização do referendo de autodeterminação.


Jon Marauri, originário do País Basco, mostrou uma dessas balas à AFP, recolhidas após uma ofensiva policial contra centenas de manifestantes. Cercados pelos ativistas após apreenderam urnas em uma seção eleitoral, os agentes reagiram atirando. David Pujol, de 37 anos, mostrou o ferimento na perna, causado por uma dessas balas.

Diante da força policial, o presidente catalão, o separatista Carles Puigdemont, denunciou o uso injustificado, irracional e irresponsável da violência por parte do Estado espanhol.


Segundo ele, a imagem externa do Estado continua piorando e chegou hoje a níveis de vergonha que vão acompanhá-lo para sempre.


Super Oferta

HashFlare