HOME
BLOG
CULINÁRIA
NOTÍCIAS
SHOP
VÍDEOS
NOTÍCIAS: / Brasil / Celebridades / Economia / Esporte / Mundo / Política / Tecnologia

Moscou diz que EUA invadiram residências de consulado russo

Assuntos Relacionados:
| Rússia | Consulado | San Francisco | invasão | Kremlin


/ Mundo / Geral

O Ministério de Relações Exteriores da Rússia afirmou nesta terça-feira (3) que autoridades americanas invadiram residências do Consulado da Rússia em San Francisco.

Moscou ameaçou retaliações à invasão que caracterizou como hostil e ilegal.

No fim de agosto, o Departamento de Estado americano requisitou à Rússia que fechasse o consulado de San Francisco até o dia 2 de setembro. Washington disse à época que a decisão foi tomada no espírito de paridade com as medidas de redução da equipe diplomática americana na Rússia impostas pelo Kremlin.

Funcionários russos deixaram o complexo onde funcionava o consulado em cumprimento à ordem americana, mas deixaram as áreas que eram usadas como residência trancadas. Após a saída da missão diplomática russa, autoridades americanas ocuparam os setores administrativos do complexo, mas, segundo Moscou, entraram na área residencial na segunda-feira (2).

Reservamo-nos o direito de responder. O princípio de reciprocidade sempre foi e continua sendo o pilar da diplomacia disse a chancelaria em um comunicado.


Filmagens veiculadas na televisão estatal russa mostram o que seriam autoridades americanas rompendo cadeados em partes isoladas do complexo e entrando nas residências.

Veja Também
A Nova ameaça de Donald Trump, bombas atômicas leves
Trump acusa a Rússia de ajudar a Coréia do Norte a evitar sanções
Paraná é o 2º estado que mais forma alunos em universidades estaduais
EUA e Israel se preparam para cenário de guerra após anúncio sobre Jerusalém


O Ministério de Relações Exteriores da Rússia afirmou que os invasores tomaram todas as instalações onde funcionava o consulado, incluindo a residência do cônsul-geral.

Assim sendo, entendemos que os americanos, ao invadir nossos edifícios diplomáticos, concordaram de fato que suas missões na Rússia podem ser tratadas de forma semelhante, declarou a chancelaria.

A acusação russa ocorre um dia após o jornal americano The Washington Post divulgar que um advogado de Trump foi convidado para encontros na Rússia já numa fase avançada de campanha presidencial. Nos últimos meses, Rússia e Estados Unidos têm trocado medidas retaliatórias de redução de pessoal diplomático.


Super Oferta

HashFlare